+258844167347/+258848906431 todasmusika@gmail.com
Domingo, Julho 12, 2020

archiveMaio 2020

COVID-19: Mais 10 casos positivos no País (Moçambique)
Noticias

COVID-19: Mais 10 casos positivos no País (Moçambique)

COVID-19: Mais 10 casos positivos no País (Moçambique)

COVID-19: Mais 10 casos positivos no País (Moçambique)

COVID-19: Mais 10 casos positivos no País (Moçambique)

Nas últimas 24 horas, Moçambique registou mais 10 casos Positivos de infecção por Coronavírus. De acordo com o Ministério da Saúde, todos os infectados são de nacionalidade moçambicana.

Ainda nas últimas 24 horas, o país registou um (1) recuperado. Assim, Moçambique tem 91 pacientes totalmente recuperados da COVID-19.

Com o aumento de mais 10 casos, o país passa a registar 254 infecções por Coronavírus, sendo que 1357 pessoas encontram-se em quarentena.

Noticias

Governo distribui cestas básicas a famílias carenciadas na Província de Manica

Governo distribui cestas básicas a famílias carenciadas na Província de Manica

Governo distribui cestas básicas a famílias carenciadas na Província de Manica

Governo distribui cestas básicas a famílias carenciadas na Província de Manica

O governo da província de Manica através da delegação local do Instituto Nacional de Calamidades Naturais (INGC), começou no último Sábado a distribuição de cestas básicas a famílias carenciadas no âmbito de mitigação dos efeitos decorrentes das medidas de prevenção do coronavírus no País.

Numa primeira fase estão a ser abrangidas cerca de três mil famílias ou mais, o correspondente a perto de quinze mil pessoas alocadas.

Entende o governo que com o Estado de Emergência em vigor e por si decretado, muitas famílias deixaram de ter as suas fontes de renda. Tal torna-se ainda pior para quem dependia de esmola para sobreviver, como é o caso de deficientes visuais, auditivos e pessoas da terceira idade.

Ciente desta dificuldade, o governo daquela parcela do país iniciou a distribuição de cestas básicas àquele grupo de cidadãos carenciados, com objectivo de assegurar que fique em casa para que não seja exposto a contaminação pelo coronavírus.

Falando no acto de lançamento da iniciativa, Esperança Feijão, directora provincial de Serviços Sociais em Manica, disse que até ao momento já foram inscritas 2.614 famílias que receberão kits básicos compostos por um saco de arroz, cinco litros de óleo, açúcar, algumas unidades de latas de sardinha e sabão, por forma a garantir a sua higienização pessoal.

Já o INGC através do seu delegado, Alexandre Augusto, disse esperar que os beneficiários compreendam que o governo pretenda com o gesto que a ideia essencial é que tenham comida suficiente e não se façam às ruas para pedir comida.

Por seu turno, a Associação dos Cegos e Ambliopes de Moçambique, ACAMO em Manica, uma das beneficiárias do gesto do governo, disse na voz do seu delegado diz que tem estado a sensibilizar os membros a ficarem em casa.

“Temos conversado com eles (os membros) por forma que saibam que a pandemia é uma realidade e que a mesma pandemia não escolhe se é pessoa com deficiência ou não, dai que é preciso ficar em casa para não contrair o vírus”, vincou Domingos Neves, delegado da ACAMO em Manica.

O gesto do governo irá se estender por todos os 11 distritos que perfazem a província de Manica e outros. TD

O governo da província de Manica através da delegação local do Instituto Nacional de Calamidades Naturais (INGC), começou no último Sábado a distribuição de cestas básicas a famílias carenciadas no âmbito de mitigação dos efeitos decorrentes das medidas de prevenção do coronavírus no País.

Numa primeira fase estão a ser abrangidas cerca de três mil famílias ou mais, o correspondente a perto de quinze mil pessoas alocadas.

Entende o governo que com o Estado de Emergência em vigor e por si decretado, muitas famílias deixaram de ter as suas fontes de renda. Tal torna-se ainda pior para quem dependia de esmola para sobreviver, como é o caso de deficientes visuais, auditivos e pessoas da terceira idade.

Ciente desta dificuldade, o governo daquela parcela do país iniciou a distribuição de cestas básicas àquele grupo de cidadãos carenciados, com objectivo de assegurar que fique em casa para que não seja exposto a contaminação pelo coronavírus.

Falando no acto de lançamento da iniciativa, Esperança Feijão, directora provincial de Serviços Sociais em Manica, disse que até ao momento já foram inscritas 2.614 famílias que receberão kits básicos compostos por um saco de arroz, cinco litros de óleo, açúcar, algumas unidades de latas de sardinha e sabão, por forma a garantir a sua higienização pessoal.

Já o INGC através do seu delegado, Alexandre Augusto, disse esperar que os beneficiários compreendam que o governo pretenda com o gesto que a ideia essencial é que tenham comida suficiente e não se façam às ruas para pedir comida.

Por seu turno, a Associação dos Cegos e Ambliopes de Moçambique, ACAMO em Manica, uma das beneficiárias do gesto do governo, disse na voz do seu delegado diz que tem estado a sensibilizar os membros a ficarem em casa.

“Temos conversado com eles (os membros) por forma que saibam que a pandemia é uma realidade e que a mesma pandemia não escolhe se é pessoa com deficiência ou não, dai que é preciso ficar em casa para não contrair o vírus”, vincou Domingos Neves, delegado da ACAMO em Manica.

O gesto do governo irá se estender por todos os 11 distritos que perfazem a província de Manica e outros.

Noticias

O Presidente da República, Filipe Nyusi prorrogou o estado de emergência com efeitos apartir do dia 31 de Maio

O Presidente da República, Filipe Nyusi prorrogou o estado de emergência com efeitos apartir do dia 31 de Maio

O Presidente da República, Filipe Nyusi prorrogou o estado de emergência com efeitos apartir do dia 31 de Maio

Esta è a terceira fase do estado de emergência desde que decretou o primeiro a 1 de Abril passado.

No princípio da sua comunicação a nação, Nyusi realçou que o incremento do número de infectados por Coronavírus no país é preocupante. Por isso, prorrogou o Estado de Emergência por mais 30 dias.

Segundo disse o Presidente da República, nas últimas semanas houve relaxamento no cumprimento das medidas de prevenção contra o Coronavírus, ao contrário do que o Governo previu. Nyusi disse que há fragilidades que devem ser corrigidas, de modo que as crianças, por exemplo, fiquem em casa e as paragens deixem de ter tanta gente.

De modo que a situação melhore, e o novo estado de emergência seja igual ao primeiro, em que os cidadãos cumpriram com as normas, o Presidente da República quer que as autoridades sejam mais actuantes.

Além dos aspectos negativos, Nyusi assumiu que houve aumento de pessoas que usam máscara em sítios públicos e da observância do horário de funcionamento da maioria dos mercados e estabelecimentos comercias no país. E ainda adiantou que os sacrifícios por que passam os moçambicanos não devem ser em vão.

Com a prorrogação, Nyusi disse que Moçambique vai continuar a observar medidas de prevenção até 31 de Junho, que incluem “o uso da máscaras em todos locais de aglomeração de pessoas, o cumprimento do distanciamento social de um metro em meio, reforço do controlo das fronteiras e em alguns casos limitar entradas”.

“Estamos cientes da dureza das medidas que estão a ser tomadas”, disse Nyusi, para quem os próximos 15 dias serão decisivos para avaliar as medidas de relaxamento, incluindo a retoma das aulas das classes com exame, formação de professores e ensino superior no país.

Amade Miquidade - Diz Que A “Segurança vai regressando à normalidade em Cabo Delgado”
Noticias

Amade Miquidade – Diz Que A “Segurança vai regressando à normalidade em Cabo Delgado”

Amade Miquidade – Diz Que A “Segurança vai regressando à normalidade em Cabo Delgado”

Amade Miquidade - Diz Que A “Segurança vai regressando à normalidade em Cabo Delgado”

Amade Miquidade – Diz Que A “Segurança vai regressando à normalidade em Cabo Delgado”

O ministro do Interior do nosso país, Amade Miquidade, considera que a segurança vai regressar à normalidade na província de Cabo Delgado e na zona centro do país, mercê do trabalho que está sendo levado a cabo pelas Forças de Defesa e Segurança Do País (FDS), que visa acabar com os insurgentes em Cabo Delgado.

Miquidade fez estes pronunciamentos na (quarta-feira), na Assembleia da República, quando respondia a perguntas feitas pelos deputados das três bancadas. O governante disse, na ocasião, que os insurgentes, nesta altura, se encontram em fuga, principalmente nas zonas recônditas dos distritos de Quissanga, Mocímboa da Praia, ambos na província de Cabo Delgado; Buzi e Sussundenga, nas províncias de Sofala e Manica, respectivamente.

Aquele governante explicou igualmente que cortar as linhas de abastecimento logístico dos insurgentes constitui estratégia prioritária das (FDS) nessa luta, que está sendo levada a cabo nas regiões acima indicadas “Cabo Delgado, e Zona Centro Do País.

Lembre-se que Miquidade faz estes pronunciamentos depois de há algumas semanas, em conferência de imprensa conjunta com o ministro da Defesa Nacional, ambos terem reclamado avanços significativos no combate aos terroristas em Cabo Delgado, tendo, na ocasião, avançado números de insurgentes abatidos em combates em Cabo Delgado e Zona Centro Do País. TD

Bolívia vive o último dia de quarentena rígida enquanto os casos aumentam
Mundo

Bolívia vive o último dia de quarentena rígida enquanto os casos aumentam

Bolívia vive o último dia de quarentena rígida enquanto os casos aumentam

Bolívia vive o último dia de quarentena rígida enquanto os casos aumentam

Bolívia vive o último dia de quarentena rígida enquanto os casos aumentam

A Bolívia vive hoje o último dia de quarentena rígida e enfrenta, a partir de segunda-feira, uma nova etapa na qual o governo interino espera reativar a economia, apesar do aumento contínuo de mortes e contágios da covid-19.

Mundo

Corona: Mais um motivo para parar de fumar. Saiba o Porque

Corona: Mais um motivo para parar de fumar. Saiba o Porque

Corona: Mais um motivo para parar de fumar. Saiba o Porque

“Já começaram a ter evidência científica, a partir da experiência da China, de que os fumadores têm sintomas mais graves, maior necessidade de ventilação invasiva e maior mortalidade”, alerta Elga Freire, Coordenadora do Núcleo de Estudos de Medicina Paliativa da SPMI, num artigo de opinião que partilhou com o Lifestyle ao Minuto a propósito do Dia Mundial sem Tabaco, que se celebra hoje, dia 31 de maio

Nesta época em que estamos focados na Covid-19, apresento algumas razões para deixar de fumar:

– O ato de fumar pode aumentar a probabilidade de infeção pelo SARS-CoV-2 através dos dedos e cigarros contaminados em contacto com os lábios ou na partilha do cachimbo de água.

– O tabaco aumenta drasticamente o risco de muitos problemas de saúde graves nomeadamente respiratórios e cardiovasculares. Deixar de fumar pode ser especialmente importante para reduzir a gravidade e a mortalidade da Covid-19 uma vez que a cessação tabágica tem um impacto positivo imediato na função pulmonar e cardiovascular.

– A melhoria da função pulmonar e cardiorrespiratória pode aumentar a capacidade individual para responder à COVID-19 e reduzir o risco de morte.

– Uma recuperação rápida e sintomas ligeiros também reduzem o risco de transmissão da doença a outras pessoas.

Já começamos a ter evidência científica, a partir da experiência da China, de que os fumadores têm sintomas mais graves, maior necessidade de ventilação invasiva e maior mortalidade.

Noticias

Papa Francisco diz “Tudo será diferente” após pandemia

Papa Francisco diz “Tudo será diferente” após pandemia

Papa Francisco diz “Tudo será diferente” após pandemia

Quando sairmos desta pandemia, não poderemos continuar a fazer o que estávamos a fazer, e como estávamos a fazer. Não. Tudo será diferente”, disse o pontífice numa mensagem de vídeo em espanhol, por ocasião da festa de Pentecostes.

“Das grandes provações da humanidade, entre estas a da pandemia, nós sairemos melhores ou piores. Não é a mesma coisa. Pergunto-vos: como querem sair disto? Melhor ou pior?” questionou o Papa Francisco.

A nível global, a pandemia causada pelo novo coronavírus já infectou mais de seis milhões de pessoas em todo o mundo, dois terços das quais na Europa e Estados Unidos, segundo um balanço da AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detectado no final de Dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

A Cidade de Maputo está sem água desde a noite da sexta-feira
Noticias

A Cidade de Maputo está sem água desde a noite da sexta-feira

A Cidade de Maputo está sem água desde a noite da sexta-feira

A Cidade de Maputo está sem água desde a noite da sexta-feira

A Cidade de Maputo está sem água desde a noite da sexta-feira

Vinte e cinco bairros da Cidade de Maputo estão sem água da rede pública desde a noite desta sexta-feira devido a uma avaria numa das tubagens de transferência de água. Entretanto a Empresa Água da Região de Maputo já está no terreno a solucionar o problema.

As primeiras horas deste sábado via-se várias pessoas procurando por água em diferentes bairros da capital do país. Umas levavam recipientes em carrinhas manual e outras levavam baldes na cabeça. Os consumidores disseram à reportagem que foram surpreendidas com a interrupção no fornecimento de água.

PALAVRAS DE UM CIDADÃO VIVENTE NA CIDADE DE MAPUTO

“Acordamos cedo, abrimos as torneiras e não saia água. Assim fomos naquela fábrica de bentão para poder tirar água. Nesta altura do novo Coronavírus fica difícil assi”.

Esperança Damião é outra dona de casa que estava na fila a espera de encher o seu recipiente, ela conta que a higienização sem água fica difícil.

“Estamos sim a procura de água para garantir a nossa higienização e combater o novo coronavírus”, disse a dona de casa.

Os técnicos da empresa água da região de Maputo cientes da necessidade da disponibilidade de água para a higienização das pessoas em época da COVID-19 esforçam-se para repor a conduta que rompeu.

Henry Cossa administrador da área de distribuição na Empresa Águas da Região de Maputo garante que até as primeiras horas de domingo as torneiras voltarão a jorrar agua.
“Nós estamos a fazer todo esforço, mobilizamos todos recursos necessários porque entendemos que sobretudo nesta fase difícil em que o país e o mundo enfrentam não podemos ficar sem acesso a água potável. É um momento sensível em que as pessoas são chamadas a reforçar as medidas individuais e colectivas de higiene. E água é de facto um bem essencial no combate a esta pandemia daCOVID-19”.

Do centro distribuidor de Chamanculo, localizado no bairro com mesmo nome, arredores da Cidade de Maputo chega água que vem da estação de bombagem e tratamento de Umbeluzi no Distrito de Boane na província de Maputo. Daquele centro de Chmanculo a agua e depois canalizada aos três centros distribuidores existentes dentro da Cidade onde por sua vez a água chega à casa das centenas de casas existentes nos diferentes bairros da capital do país.

Lurhany - Num Tem Flow (feat. Kelson Most Wanted)
Musica

Lurhany – Num Tem Flow (feat. Kelson Most Wanted)

Lurhany – Num Tem Flow (feat. Kelson Most Wanted)

Lurhany - Num Tem Flow (feat. Kelson Most Wanted)

Lurhany – Num Tem Flow (feat. Kelson Most Wanted)

Disponível o novo Produto de  Lurhany  Com o titulo  Num Tem Flow (feat. Kelson Most Wanted) Baixem Depois do Formulário

Artista: Lurhany

Titulo: Num Tem Flow (feat. Kelson Most Wanted)

Género: Rap

Ficheiro: MP3

Tamanho: 5  MB

Ano: 2020

 

DOWNLOAD MP3

 

Visite o Site Diariamente Para obter novidades todos Dias.

Twenty Fingers feat. Julia Duarte – Vamos Morrer Juntos
Musica

Twenty Fingers feat. Julia Duarte – Vamos Morrer Juntos

Twenty Fingers feat. Julia Duarte – Vamos Morrer Juntos

Twenty Fingers feat. Julia Duarte – Vamos Morrer Juntos

Twenty Fingers feat. Julia Duarte – Vamos Morrer Juntos

Disponível o novo Produto de  Twenty Fingers feat. Julia Duarte  Com o titulo  Vamos Morrer Juntos Baixem Depois do Formulário

Artista: Twenty Fingers feat. Julia Duarte

Titulo: Vamos Morrer Juntos

Género: Kizomba

Ficheiro: MP3

Tamanho:  7 MB

Ano: 2020

 

DOWNLOAD MP3

 

Visite o Site Diariamente Para obter novidades todos Dias.

Dr Flow Semeia BeatOven feat. Boss Proud – Biolo
Musica

Dr Flow Semeia BeatOven feat. Boss Proud – Biolo

Dr Flow Semeia BeatOven feat. Boss Proud – Biolo

Dr Flow Semeia BeatOven feat. Boss Proud – Biolo

Disponível o novo Produto de  Dr Flow Semeia BeatOven feat. Boss Proud  Com o titulo  Biolo  Baixem Depois do Formulário

Artista: Dr Flow Semeia BeatOven feat. Boss Proud 

Titulo: Biolo

Género: Rap

Ficheiro: MP3

Tamanho:  6 MB

Ano: 2020

 

DOWNLOAD MP3

 

Visite o Site Diariamente Para obter novidades todos Dias.

1 2 3 14
Page 1 of 14